Início Sopro e Arco Acessórios Palheta para Saxofone Alto ROYAL (D’addario) nº1,5 Caixa com 10

Palheta para Saxofone Alto ROYAL (D’addario) nº1,5 Caixa com 10

R$190,00

Caixa com 10 palhetas filed para saxofone alto da marca Royal (D’Addario), número 1,5.

1 em estoque

REF: 1010 Categorias: , Tags: , , , ,

Descrição

As palhetas Royal by D’Addario possuem o tradicional corte francês (filed) que oferece melhor resposta especialmente no registro grave, clareando o timbre e facilitando o ataque suave. Este modelo de palheta para Saxofone Alto vem em uma caixa com 10 unidades, uma opção econômica.

As palhetas nº 1.5, em geral, são preferidas por saxofonistas iniciantes, que tendem a escolher numerações mais baixas – ou seja, palhetas mais finas e leves. Mas não pense que palhetas leves são destinadas a iniciantes e palhetas pesadas a profissionais, não é assim. Esta escolha é uma questão de preferência pessoal e cabe ao músico encontrar a sua.

palheta-sax-1,5

D’Addario

A marca D’Addario produz inúmeros acessórios para instrumentos musicais, de diversos tipos, sempre com grande qualidade e sucesso de vendas. É uma empresa americana que vem sendo mantida e controlada pela família, apesar de ter uma administração profissional – como convém a uma empresa tão grande. A D’Addario adquiriu a fabricante de palhetas para saxofone Rico, tradicional marca. Assim, tem expandido sua produção nesta área com a experiência e tradição que vieram junto com a marca comprada.

Sobre a Rico

Tudo começou no ano 1928, na França, com Joseph Rico. Nascido na Itália, demonstrou na escola um talento muito especial para a música. Já na adolescência, ele e seu irmão Libereto fugiram uma noite e embarcaram em um navio para a América. Joseph era harpista, pianista e guitarrista, e seu irmão bandolinista e violinista.

Em 1926, o sobrinho de Joseph, Frank De Michele, um clarinetista que trabalhava para o Walt Disney Studios, escreveu para o tio reclamando da dificuldade em achar boas palhetas em Los Angeles: “Tio Joe, você está tão bem estabelecido no cenário musical de Paris, tenho certeza que conseguiria achar palhetas de boa qualidade para mim”. Joseph realmente as achou com muita facilidade e mandou ao sobrinho, porém três semanas depois Frank escreveu novamente: “Meus amigos ficaram encantados com as palhetas, acabaram todas. Você poderia mandar mais algumas?” Com o tempo, o fornecedor de Joseph não pode mais fornecer palhetas devido à escassez de cana. Frank então perguntou ao tio se ele não poderia ao menos mandar um pouco de cana, que, desse modo, ele mesmo tentaria produzir suas próprias palhetas. Joseph tinha uma casa de campo na região de Var (sul da França), onde encontrou uma excelente qualidade de cana para produção de palhetas. Em 1928, Joseph Rico mandou para a América o seu primeiro carregamento de 350 kg de cana.

A cana

O desenvolvimento da cana demora de dois a quatro anos até que ela esteja pronta para ser colhida. Durante esse período, a cana que não tem o tamanho adequado é removida manualmente, e somente aquela que tem um tamanho aceitável fica na terra para amadurecer. No inverno, quando a cana está “dormente” toda a colheita é feita manualmente. O processo envolve descascar, expor ao sol, secar, serrar e armazenar a planta.

Depois da secagem, a cana é cortada em tubos (entre os nós do caule). Os tubos selecionados são colocados em sacos identificados de acordo com os locais em que foram plantados e então são cuidadosamente inspecionados e classificados de acordo com a sua qualidade, altura, diâmetro e espessura de suas paredes. Depois de selecionados, os tubos são cortados em quatro, medidos novamente e armazenados de acordo com a sua espessura métrica. Depois, ocorre a operação de serragem e a separação das paredes de cada tubo. As máquinas utilizadas para cortar as palhetas são meticulosamente reguladas para produzirem tipos específicos de palhetas, de acordo com o seu modelo, sua resistência e o seu tamanho.

As palhetas que não passam no controle de qualidade não são empacotadas. Antes de finalizadas, as palhetas são colocadas em caixas e milhares delas são inspecionadas através de um moderno sistema de vídeo que localiza possíveis defeitos de fabricação.

Hoje

Em 2004 a Rico foi comprada pela D’Addario, o principal fabricante mundial de acessórios para músicos.

Como resultado do espírito inovador da D’Addario, foram colocados milhões de dólares em  novas tecnologias e controle de qualidade. Todos os aspectos do processo de fabricação foram revitalizados – da plantação até as máquinas e tudo mais.

Deste modo, a D’Addario não apenas absorveu a expertise da Rico como também expandiu o conhecimento de fabricação de palhetas de saxofone.

Informação adicional

Peso0.100 kg
Dimensões8 × 7 × 2.5 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Palheta para Saxofone Alto ROYAL (D’addario) nº1,5 Caixa com 10”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar de…